quinta-feira, 18 de agosto de 2011

Não mais


Não mais precisarei procurar,
pois já encontrei em teu olhar,
não sei se é ilusão,
mas parece ser eterna paixão.

Dois mundos tão diferentes,
seria algo tão anormal,
nessa luta divergente,
existente entre o bem e o mal.

Que venhamos se esbarrar em um ponto incomum,
sem explicação ou motivo algum,
impossível descrever,
o que a vida pode trazer.

Gravado na memória está,
e o tempo jamais apagará,
o que encontrei em teu olhar,
jamais conseguiram copiar.

Sem ao menos uma palavra dizer,
foi capaz de me convencer,
que nunca na vida poderei conhecer,
um outro alguém tão especial quanto você.

Nenhum comentário:

Postar um comentário