sexta-feira, 27 de maio de 2011

Meu eu

Não sei bem que sou,
tão pouco sei pra onde vou.

Minhas duvidas e medos,
certezas e receios que guardo em segredo.

Sei que sou imperfeito,
porém existem peculiaridades em meu jeito.

Que quem me conhece sabe bem,
tenho a vontade de ir sempre além.

Minha timidez me aflige,
mas não é isso que o mundo de mim exige.

Sou um mistério até mesmo para mim,
como ainda não entreguei os pontos.

Por que ainda não cai em prantos,
sou mais forte que pensei.

Ao menos foi o que achei,
porque algumas coisas aconteceram, ainda não sei.

Mas o amanhã pode ser melhor,
em meu eu, seja lá como for.

Estará sempre a se erguer,
enquanto em meu peito por ti , eu cultivar esse querer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário